Reflexão do Evangelho 02/11/2019

Reflexão do Evangelho 01/11/2019
novembro 1, 2019
Reflexão do Evangelho 03/11/2019
novembro 3, 2019

Evangelho de hoje (Mt. 25,31-46)

«Como o grão de trigo»! Uma vez plantada na terra, a cepa dá fruto a seu tempo. Assim também o grão de trigo, depois de ter caído à terra e se ter dissolvido nela (Jo 12,24), ressurge multiplicado pelo Espírito de Deus, que tudo mantém. Depois, graças a um trabalho competente, esses frutos se tornam utilizáveis pelos homens; seguidamente, recebendo a Palavra de Deus, tornam-se Eucaristia, quer dizer, corpo e sangue de Cristo. Da mesma forma, os nossos corpos, alimentados pela Eucaristia, depois de serem deitados à terra e nela se dissolverem, ressuscitarão a seu tempo quando o Verbo de Deus lhes conceder a graça da ressurreição «para glória de Deus Pai» (Fil 2,11). Ele obterá a imortalidade para o que é mortal e a incorruptibilidade para o que é corruptível (1Cor 15,53), pois a força de Deus se manifesta na fraqueza (2Cor 12,9). Acautelemo-nos, pois, de nos inflarmos de orgulho, como se fosse de nós mesmos que obtemos a vida, e de nos levantarmos contra Deus com pensamentos de ingratidão. Pelo contrário, sabendo por experiência que é exclusivamente através Dele que recebemos o dom de viver eternamente, nunca nos afastaremos dos pensamentos verazes sobre Deus e sobre nós mesmos. Conheceremos o poder de Deus e quantos benefícios dele recebe o homem. Não nos equivocaremos a respeito da verdadeira concepção que é necessário ter de Deus e do homem. Aliás, se Deus permitiu a nossa decomposição na terra, não será precisamente para que, sabendo tudo isso, estivéssemos doravante atentos, não nos menosprezando nem menosprezando a Deus? Se o cálice e o pão, pela Palavra de Deus, se tornam Eucaristia, também a carne é capaz de receber a vida eterna (Santo Ireneu de Lyon, bispo, teólogo e mártir).

Querido Jesus, socorrei as almas que mais precisarem da Vossa misericórdia!
À Jesus, toda a honra, louvor e adoração!
Shalom 🙏 Veni Sancte Spiritus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *