Reflexão do Evangelho 21/03/2019

Encontro de Cura
março 20, 2019
Grupo “Curados para Amar”
março 21, 2019

Evangelho de hoje (Lc 16,19-31):

«Se não escutam a Moisés, nem aos Profetas, mesmo se alguém ressuscitar dos mortos, não acreditarão». Na parábola de hoje Jesus nos revela as realidades do homem depois da sua morte. Ele nos fala do prêmio ou do castigo que obteremos de acordo com o nosso comportamento neste mundo. O contraste entre o rico e o pobre é muito forte. O luxo e a indiferença do rico; a situação patética de Lázaro, com os cães a lhe lamber as feridas. Hoje se apresenta a necessidade de ouvir a Deus nesta vida, de nos convertermos nela e de aproveitarmos o tempo que Ele nos concede. Deus pedirá contas. Jesus deixa claro a existência do inferno e descreve algumas das suas características: a pena que sofrem os sentidos «Manda Lázaro molhar a ponta do dedo para me refrescar a língua, porque sofro muito nestas chamas» e a sua eternidade, «há um grande abismo entre nós». Não exitemos. Não teremos nova oportunidade. Gregório Magno, doutor da Igreja ensina que «se dizem todas estas coisas para que ninguém possa desculpar-se por causa da sua ignorância».

Shalom 🙏 Veni Sancte Spiritus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *