Reflexão do Evangelho 31/08/2019

Louvor Encontro com Cristo
agosto 30, 2019
Reflexão do Evangelho 01/09/2019
setembro 1, 2019

Evangelho de hoje (Mt 25,14-30)

«Um homem que ia viajar para o estrangeiro, chamou os seus servos e lhes confiou os seus bens». Nesta parábola o Senhor nos ensina principalmente a necessidade de corresponder à graça de uma maneira esforçada, exigente e constante durante toda a vida. Importa fazer render todos os dons de natureza e de graça recebidos do Senhor. O importante não é o número, mas a generosidade para os fazer frutificar. A vocação cristã não se pode esconder, nem esterilizar, deve ser comunicativa, apostólica, entregada. A um fiel cristão corrente não pode lhe passar despercebido o fato de que Jesus tenha querido explicar a doutrina da correspondência à graça servindo-se como figura do trabalho profissional dos homens. Não é isso nos recordar que a vocação cristã se dá no meio das ocupações ordinárias da vida? «Há uma única vida. feita de carne e espírito, e essa é que tem de ser, na alma e no corpo, santa e cheia de Deus, deste Deus invisível, que nós encontramos nas coisas mais visíveis e materiais. Não há outro caminho: ou sabemos encontrar o Senhor na nossa vida corrente, ou nunca O encontraremos» (Temas Atuais do Cristianismo, n° 114).

Shalom 🙏 Veni Sancte Spiritus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *