Reflexão do Evangelho 13/03/2022

Bom dia Espírito Santo! O que vamos fazer juntos hoje….

Evangelho de hoje, 13 de março (Lc 9, 28-36): «Jesus subiu à montanha para orar»
Naquele tempo, Jesus levou consigo Pedro, João e Tiago, e subiu à montanha para orar. Enquanto orava, seu rosto mudou de aparência e sua roupa ficou branca e brilhante. Dois homens conversavam com ele: eram Moisés e Elias. Apareceram revestidos de glória e conversavam sobre a saída deste mundo que Jesus iria consumar em Jerusalém. Pedro e os companheiros estavam com muito sono. Quando acordaram, viram a glória de Jesus e os dois homens que estavam com ele. E enquanto esses homens iam se afastando, Pedro disse a Jesus: «Mestre, é bom ficarmos aqui. Vamos fazer três tendas: uma para ti, outra para Moisés e outra para Elias». Nem sabia o que estava dizendo. Estava ainda falando, quando desceu uma nuvem que os cobriu com sua sombra. Ao entrarem na nuvem, os discípulos ficaram cheios de temor. E da nuvem saiu uma voz que dizia: «Este é o meu Filho, o Eleito. Escutai-o!». Enquanto a voz ressoava, Jesus ficou sozinho. Os discípulos ficaram calados e, naqueles dias, a ninguém contaram nada do que tinham visto.

COMENTÁRIO: «Moisés e Elias falavam da morte de Jesus, que ia consumar-se em Jerusalém». Jesus subiu à montanha com os três discípulos que escolheu. Aí, foi transfigurado por uma luz fulgurante e divina, a ponto de as suas vestes parecerem brilhar como o Sol. Moisés e Elias envolveram Jesus, falando entre si da sua partida, que haveria de acontecer em Jerusalém, quer dizer, do mistério da sua encarnação e da sua Paixão salvadora, que haveria de se concretizar na Cruz. Porque é verdade que a lei de Moisés e a pregação dos profetas tinham mostrado antecipadamente o mistério de Cristo. Esta presença de Moisés e de Elias, e a conversa entre eles, pretendia mostrar que a Lei e os profetas formavam como que o cortejo de Nosso Senhor Jesus Cristo, que eles tinham profetizado. Depois de terem aparecido, falavam da glória de que o Senhor ia ser cumulado em Jerusalém, pela sua Paixão, morte e ressurreição. Uma vez que o projeto da Salvação ainda não estava completo, não era possível que Cristo, que tinha vindo ao mundo por amor, renunciasse a sofrer por ele. Porque Ele assumiu a natureza humana para sofrer a morte na sua carne, e para destruí-la pela sua ressurreição dentre os mortos (São Cirilo de Alexandria, bispo e doutor da Igreja).

Tudo o que Deus quer dizer à humanidade o disse através de Cristo, ao chegar a plenitude dos tempos (Heb 1,1).
À Jesus, toda honra, louvor e adoração!
Tenha uma abençoada semana!
Shalom🙏Veni Sancte Spiritus! Veni Lumem Cordium!

Compartilhe Também

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

INSCREVA-SE NO BOLETIM INFORMATIVO

Inscreva-se para receber nossas últimas notícias

Mais para você ler

escort -
slotbaronline.com
- cratos casino giriş -

kolaybet.pro

- asya-bahis.net -

betcup.pro

-
casinovale.club
- bahsegel.club