Reflexão do Evangelho 19/02/2022

Bom dia Espírito Santo! O que vamos fazer juntos hoje….

Evangelho de hoje, 19 de fevereiro (Mc 9,2-13): «Jesus foi transfigurado diante deles»
Jesus tomou consigo Pedro, Tiago e João e subiu só com eles para um lugar retirado, num alto monte e transfigurou-Se diante deles. As suas vestes tornaram-se resplandecentes, de tal brancura que nenhum lavadeiro sobre a Terra as poderia assim branquear. Apareceram-lhes Moisés e Elias, conversando com Jesus. Pedro tomou a palavra e disse a Jesus: «Mestre, como é bom estarmos aqui! Façamos três tendas: uma para Ti, outra para Moisés, outra para Elias». Não sabia o que dizia, pois estavam atemorizados. Veio então uma nuvem que os cobriu com a sua sombra e da nuvem fez-se ouvir uma voz: «Este é o meu Filho muito amado: escutai-O». De repente, olhando em redor, não viram mais ninguém, a não ser Jesus, sozinho com eles. Ao descerem do monte, Jesus lhes ordenou que não contassem a ninguém o que tinham visto, enquanto o Filho do Homem não ressuscitasse dos mortos. Eles guardaram a recomendação, mas perguntavam entre si o que seria “ressuscitar dos mortos”. Depois perguntaram a Jesus: «Por que os escribas dizem que primeiro deve vir Elias?». Ele respondeu: «Sim, Elias vem primeiro, para pôr tudo em ordem. Por outro lado, como está escrito a respeito do Filho do Homem que ele deve sofrer muito e ser desprezado? E eu vos digo mais: também Elias veio, e fizeram com ele tudo o que quiseram, exatamente como está escrito a seu respeito».

COMENTÁRIO: Contemplar e seguir o Transfigurado! Jesus chama continuamente a Si novos discípulos, homens e mulheres, para lhes comunicar, mediante a efusão do Espírito (cf Rom 5,5), a ágape divina, o seu modo de amar, estimulando-os assim a servirem os outros, no humilde dom de si próprios, sem cálculos interesseiros. A Pedro, que, extasiado no resplendor da Transfiguração, exclama: «Senhor, é bom estarmos aqui» (Mt 17, 4), é dirigido o convite a regressar às estradas do mundo, para continuar a servir o Reino de Deus: «Desce, Pedro! Desejavas repousar no monte. Desce! Prega a palavra de Deus, insiste a todo o momento, oportuna e inoportunamente, repreende, exorta, encoraja com toda a paciência e doutrina. Trabalha, não olhes as canseiras nem rejeites dores ou suplícios, a fim de que, pela candura e beleza das boas obras, possuas na caridade o que as vestes brancas do Senhor simbolizam» (Santo Agostinho, Sermão 78,6). O olhar fixo no rosto do Senhor não diminui no apóstolo o empenho a favor do homem; pelo contrário, reforça-o, dotando-o de nova capacidade de influir na história, para a libertar de tudo quanto a deforma (São João Paulo II).

«A Transfiguração nos dá uma visão antecipada da vinda gloriosa de Cristo “que transfigurará este nosso miserável corpo num corpo glorioso como o seu” (Fl 3,21). Mas ela também nos lembra que “é necessário que passemos por muitas tribulações para entrar no Reino de Deus” (Atos 14,22)».
À Jesus, toda honra, louvor e adoração!
Shalom🙏Veni Sancte Spiritus! Veni Lumem Cordium!

Compartilhe Também

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

INSCREVA-SE NO BOLETIM INFORMATIVO

Inscreva-se para receber nossas últimas notícias

Mais para você ler

escort -
slotbaronline.com
- cratos casino giriş -

kolaybet.pro

- asya-bahis.net -

betcup.pro

-
casinovale.club
- bahsegel.club