Reflexão do Evangelho 23/12/2020

Bom dia Espírito Santo! O que vamos fazer juntos hoje…

Evangelho de hoje, 23 de dezembro (Lc 1, 57-66): «João é o seu nome!»
Quando se completou o tempo da gravidez, Isabel deu à luz um filho. Os vizinhos e os parentes ouviram quanta misericórdia o Senhor lhe tinha demonstrado, e alegravam-se com ela. No oitavo dia, foram circuncidar o menino e queriam dar-lhe o nome de seu pai, Zacarias. A mãe, porém, disse: «Não. Ele vai se chamar João». Disseram-lhe: «Ninguém entre os teus parentes é chamado com este nome!» Por meio de sinais, então, perguntaram ao pai como ele queria que o menino se chamasse. Zacarias pediu uma tabuinha e escreveu: «João é o seu nome!» E todos ficaram admirados. No mesmo instante, sua boca se abriu, a língua se soltou, e ele começou a louvar a Deus. Todos os vizinhos se encheram de temor, e a notícia se espalhou por toda a região montanhosa da Judéia. Todos os que ouviram a notícia ficavam pensando: «Que vai ser este menino?» De fato, a mão do Senhor estava com ele.
 
COMENTÁRIO: «Que vai ser este menino?» O menino é João, o Batizador. O espanto geral com seu nascimento brota principalmente do fato de Isabel, a mãe, ser uma idosa que por muitos anos viveu a humilhação da esterilidade. Só uma intervenção direta de Deus tornou possível a vida nova. Daí o nome da criança: João, isso é, «Deus é favorável». João Batista era uma pessoa que exercia um fascínio e um magnetismo pelo seu estilo de vida diferente de todos os demais, radical em sua adesão a Deus; despertava interrogação de todos, contudo, era sincero, humilde e com a convicção de que era somente testemunha da verdadeira Luz, Cristo! João não se deixava sucumbir à vaidade de se dar importância a si mesmo com admiração e aplausos, era imune às críticas, pois sabia perfeitamente bem que estava respondendo a um chamado para viver seu ministério e vocação profética. Para João o mais importante e quem deveria aparecer era o Messias, e não ele próprio. Toda a pregação de João Batista era condensada em uma só palavra: “conversão”. Mudem de vida porque o Messias já chegou. Todas as pessoas que ouviam o apelo de João pela fé e não somente pela razão passaram por uma mudança de vida; abriram seu coração para a chegada do Messias; mas aqueles que filtraram suas palavras por sua lógica e razão, não aceitaram a Boa Nova de Deus, não se deixaram atingir pela graça, Jesus Cristo.
 
“Nascerá para nós um pequenino: ele será chamado Deus forte; nele serão abençoados todos os povos da terra” (Is 9,6; Sl 71,17).
Advento: Tempo de oração, penitência e vigilância na espera do Menino Deus!
Shalom🙏🌲🌲🌲Veni Sancte Spiritus! Veni Lumem Cordium!

Compartilhe Também

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

INSCREVA-SE NO BOLETIM INFORMATIVO

Inscreva-se para receber nossas últimas notícias

Mais para você ler

LOJA VIRTUAL

(Clique na imagem para acessar)

fechar
Comece a digitar para ver as postagens que está procurando.
Voltar Ao Topo