Reflexão do Evangelho 24/07/2021

Bom dia Espírito Santo! O que vamos fazer juntos hoje…

Evangelho de hoje, 24 de julho (Mt 13,24-30): «O joio, o trigo e a colheita»
Disse Jesus às multidões mais esta parábola: «O Reino dos Céus pode comparar-se a um homem que semeou boa semente no seu campo. Enquanto todos dormiam, veio o inimigo, semeou joio no meio do trigo e foi-se embora. Quando o trigo cresceu e começou a espigar, apareceu também o joio. Os servos do dono da casa foram dizer-lhe: “Senhor, não semeaste boa semente no teu campo? Donde vem então o joio?”. Ele respondeu-lhes: “Foi um inimigo que fez isso”. Disseram-lhe os servos: “Queres que vamos arrancar o joio?”. “Não!”, disse ele, “não suceda que, ao arrancardes o joio, arranqueis também o trigo. Deixai-os crescer ambos até à ceifa e, na altura da ceifa, direi aos ceifeiros: Apanhai primeiro o joio e atai-o em molhos para queimar; e ao trigo, recolhei-o no meu celeiro”».
 
COMENTÁRIO: O trigo e o joio, misturados na Igreja até ao dia do Senhor! Na Igreja, não habitam apenas ovelhas nem voam apenas aves puras. O trigo é semeado no campo e, «no meio de esplêndidas culturas, surgem os carrapichos e os espinheiros, bem como as aveias selvagens» (Virgílio, «Geórgicas»). O que há de fazer o camponês? Arrancar o joio? Mas, se o fizer, arrancará também o resto da colheita! A habilidade do camponês expulsa diariamente as aves por meio do ruído, assusta-as com espantalhos. Mas nem por isso deixam de fazer incursões os velozes cabritos-monteses e outros animais atrevidos; por um lado, os produtores guardam o trigo nos seus celeiros subterrâneos, por outro as formigas, em febril colônia, atacam o cereal. É assim mesmo! Quem possui um campo nunca está isento de preocupações. Durante o sono do pai de família, o inimigo semeou o joio; e, quando os discípulos pretendiam arrancá-lo a toda a pressa, o Senhor impediu-os, reservando para Si a tarefa de separar o trigo da palha. Antes do Dia do Juízo, ninguém pode pegar na pá de joeirar de Cristo, a ninguém é permitido julgar seja quem for (São Jerônimo, presbítero, tradutor da Bíblia, doutor da Igreja).
 
Orai sem cessar: “Mais do que os vigias que aguardam a manhã, Espere Israel pelo Senhor!” (Sl 129,7).
São Charbel, Maronita, rogai por nós pela Igreja de Cristo e pelo fim da Pandemia!
Sangue de Cristo, torrente de Misericórdia, salvai-nos!
Shalom🙏Veni Sancte Spiritus! Veni Lumem Cordium!

Compartilhe Também

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

INSCREVA-SE NO BOLETIM INFORMATIVO

Inscreva-se para receber nossas últimas notícias

Mais para você ler